Reforma e Construção 11/10/2018  

Caiação: conheça as vantagens e desvantagens da pintura com cal

A caiação ou pintura com cal é uma das formas mais antigas de revestir uma fachada. Utilizada desde o século XVIII, ela é uma boa opção para quem quer praticidade e uma ótima relação custo-benefício. Continue a leitura e conheça todas as suas características.

O que esperar da pintura com cal?

Para quem não quer gastar muito na hora de pintar a casa, a cal produzida especificamente para esse fim é uma excelente alternativa: é barata, rende bastante e é fácil de ser encontrada.

Além de ter um preparo simples, ela pode adquirir diferentes cores com a adição de pigmentos industrializados, dando um ar rústico à estrutura. O óxido de ferro em pó e o pó xadrez são exemplos de pigmentos fáceis de serem encontrados em lojas de material de construção. Mas é importante que eles representem apenas 10% da mistura para que a coesão dela não seja prejudicada.

A cal para pintura tem completa aderência a diversas superfícies, principalmente as mais porosas e de alta aspereza. Ela pode ser aplicada em paredes internas e externas, muros e fachadas. A cal só não é indicada sobre massa acrílica e corrida (já que a aderência é baixa), em superfícies lisas demais (cerâmicas, por exemplo) ou de concreto armado (pois a cal não protege a armadura da corrosão).

Uma dica: para paredes externas, invista em um pigmento mineral com boa resistência aos raios ultravioletas para dar mais longevidade à pintura. No caso de paredes internas, a adição de uma resina acrílica possibilita maior coesão e aderência da cal à estrutura.

Fonte: Lemagdelea.com

Fonte: Lemagdelea.com

Do ponto de vista ambiental, a cal também apresenta vantagens. Por ter origem natural, ela é uma solução sustentável para quem deseja pintar a construção com um material isento de substâncias tóxicas comuns nas fórmulas das tintas industrializadas.

Além disso, a cal é um produto alcalino que combate fungos, germes e bactérias. Ao mesmo tempo, permite a “respiração” das estruturas, impedindo manchas que se formam com a infiltração e prevenindo a deterioração dos revestimentos.

No quesito durabilidade, há algumas questões que devem ser consideradas. Em primeiro lugar, para que a pintura com cal tenha vida longa, a superfície onde será feita a caiação deve estar firme e completamente limpa, ou seja, sem poeira, gordura, mofo ou vazamentos.

A pintura com cal também precisa receber fixadores, impermeabilizantes e aglutinantes naturais, como a cola branca, para durar mais tempo. Resultados ainda melhores podem ser alcançados se a fachada pintada só for lavada três meses após a aplicação da cal e se ficar longe da ação intensa da chuva.

Como preparar a mistura para a pintura com cal?

Fonte: Caiarte

Fonte: Caiarte

Como exemplo, vamos usar 16 litros de água e 8 kg de cal (tamanho do saco de cal para pintura que é vendido nas lojas).

Em um recipiente com capacidade para 18 litros, adicione toda a cal e 6 litros de água, misturando bem com um bastão. Acrescente o pigmento desejado ou faça combinações com vários tipos de pigmentos até atingir a tonalidade que você quer.

Em outro recipiente, dissolva 1 litro de cola branca em 8 litros de água e misture até ficar homogêneo. Junte as duas soluções e acrescente um copo de óleo de linhaça ou de tungue e ½ copo de sal de cozinha, mexendo bem.

Essa quantidade de mistura deve atender uma pintura de 25 a 30 m². Normalmente, são necessárias duas demãos: a primeira é mais diluída para selar a superfície e a segunda é mais consistente para dar o acabamento final. Por isso, recomenda-se separar a mistura em dois recipientes e adicionar o restante de água em apenas um deles para ser aplicado na primeira demão.

A aplicação das demãos deve ser feita em sentidos opostos, ou seja, uma demão na vertical e outra na horizontal, utilizando-se uma broxa. Se a área já tiver recebido algum tipo de pintura no passado, raspe completamente o material anterior e lixe a fachada.

Gostou de conhecer as características da pintura com cal? Vai tentar pintar alguma parede da sua casa com esse produto? Conte pra gente nos comentários!